Seja bem-vindo
SP - Litoral,21/04/2024

    • A +
    • A -

    Santista de Beach Tennis atrai atletas e fãs com mais de 60 jogos no Boqueirão

    Fonte: santos.sp.gov.br
    Santista de Beach Tennis atrai atletas e fãs com mais de 60 jogos no Boqueirão

    A 1ª etapa do 3º Campeonato Santista de Beach Tennis reuniu cerca de 100 atletas de diversas categorias e dezenas de admiradores da modalidade na Praia do Boqueirão, neste sábado (30). As duplas deram um show de técnica e entrosamento protagonizando partidas disputadíssimas em todas as categorias.

    Ao todo, foram mais de 60 confrontos que iniciaram por volta das 8h e se estenderam até o final da tarde de sábado.

    O corretor de imóveis Jorge Salun Júnior, 47, joga há aproximadamente três anos e já participou das outras edições do torneio. “A organização é sempre muito boa. A gente vê que é tudo feito com muito carinho e é um incentivo muito grande, até porque os outros campeonatos são pagos e nesse a gente só faz a doação do leite, o que é uma oportunidade legal para quem está ingressando no esporte. A nossa expectativa é sempre alta. Apesar de a participação e a brincadeira serem o mais importante, a gente se prepara e vem para buscar o pódio sim”.

    Rodrigo Santos, 53 anos, militar aposentado, mudou de Minas Gerais para Santos há dois anos e conta que o beach tennis foi fundamental para a adaptação na Cidade. “Eu gostava de jogar vôlei, mas aqui, de passar na praia e ver tanta gente jogando beach tennis, resolvi fazer a migração do esporte. Eu vim pra Santos sem conhecer ninguém e hoje todo o meu círculo de amizades está relacionado ao beach tennis. O esporte traz isso, essa inclusão. Eu descobri que é um esporte muito inclusivo. Qualquer pessoa pode jogar com um pouco de treino de maneira até razoável. O esporte é um vício do bem”, destacou.

    O profissional de educação física Jorge Machado, 63 anos, começou a jogar em novembro e veio torcer pelas amigas. “Eu via tanta gente jogando, pessoas de todas as idades, que resolvi experimentar e me apaixonei pelo esporte. Hoje ainda não me senti pronto para competir, mas vim torcer”.

    A professora Lia Rocha, 73 anos, é outra conhecida da “turma do beach e se destaca tanto pela técnica como pela alegria contagiante. “Além de democrático, é agregador. Você faz amizades que vão além das quadras. Você joga, brinca, pratica esportes e depois vai descansar tomando água de coco. É muito bom, tanto pro corpo quanto para a mente”.

    A presidente da Associação Santista de Beach Tennis (ASBT), responsável pela consultoria técnica do evento ao lado da Secretaria de Esportes (Semes), Yara Ignácio, falou sobre a importância do fomento à modalidade. “Começamos esse incentivo ao beach tennis na Cidade e daqui de Santos se expandiu para todo o Estado. Esse incentivo da Prefeitura tem sido fundamental para que a gente tenha conseguido atingir um número tão grande de adeptos. É um esporte de inclusão absoluta, todos podem praticar, e isso é democratizar o acesso ao esporte, saúde e qualidade de vida”.

    O titular da Semes, Gelasio Fernandes, destacou a participação do santista. “A gente vê como é apaixonado por esporte porque marca presença. É uma das modalidades onde mais temos visto isso, as pessoas vêm para assistir aos jogos, incentivar os atletas e isso é muito bacana”.

     

    Esta iniciativa contempla o item 3 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU: Saúde de Qualidade. Conheça os outros artigos dos ODS.

    Fotos: Francisco Arrais



    Galeria de Imagens























    Template: 
    Tamanho Cheio
    Visualização de Destaque: 
    Card Foto
    Coluna de destaque: 
    Últimas Notícias
    Título Home: 
    Torneio atrai atletas e fãs com mais de 60 jogos
    Highlight: 
    Chápeu: 
    Santista de Beach Tennis




    Buscar

    Alterar Local

    Anuncie Aqui

    Escolha abaixo onde deseja anunciar.

    Efetue o Login

    Recuperar Senha

    Baixe o Nosso Aplicativo!

    Tenha todas as novidades na palma da sua mão.